Useletter




  • Para ativar a sua subscrição terá de clicar no link que será enviado pela Google para o seu email.
  • A Useletter é o nosso popular email que versa sobre áreas como a Meditação, Mindfulness, Budismo, Yoga e outras atividades de 'Integração Mente-Corpo'. Contém os próximos encontros, dicas, sugestões, Meditações Guiadas e Ferramentas Práticas e uma relação forte com a (Neuro)ciência.

   
Voltar ao início

Top Ad unit 728 × 90

.

A multitarefa não é possível segundo a neurociência



POR EDITOR SPM-BE |





A multitarefa não é possível segundo a neurociência

A
 atenção 
SOMOS terríveis na multitarefa.

Aqui está o porquê! 

Os seres humanos não estão biologicamente desenhados para focar a atenção em mais do que um estímulo exigente para o cérebro simultaneamente, de acordo com John Medina, autor de Brain Rules.

Muitas pessoas vão discordar com a afirmação anterior.
Não somos capazes de andar e falar ao mesmo tempo? Ou de conduzir e falar ao telemóvel?

Tecnicamente sim, o cérebro funciona em multitarefa nesses casos. No entanto, o cérebro não está a ser desafiado a prestar atenção a mais do que um estímulo exigente em simultâneo. Não prestamos atenção ao colocar um pé na frente do outro quando estamos a caminhar. Porquê?
O cérebro processa a informação que precisamos importante numa ordem sequencial, de acordo com Medina.

Outro exemplo ajudará a explicar melhor. 
Imagine que está a ler uma análise de um cliente sobre um trabalho realizado pela sua empresa. Esta é uma análise longa e aborrecida, então coloca uma música para não ficar entediado. Enquanto lê esta análise começa a receber sms de um colega de trabalho relativamente a um trabalho diferente.

Tarefa 1: O córtex pré-frontal (PFC), a área do cérebro responsável pela tomada de decisão, resolução de problemas e planeamento, liga-se quando os seus olhos mudam para o monitor do seu computador. O PFC alerta o resto do seu cérebro que precisa iniciar a compreensão da análise do cliente.

Tarefa 2: Com o alerta de atenção por parte do PFC, o cérebro procura o caminho de células cerebrais  necessário para completar a leitura e compreensão da análise do cliente.

Tarefa 3: As células cerebrais necessárias para completar a compreensão da análise do cliente são LIGADAS.

Tarefa 4: picos de actividade do PFC surgem novamente quando o telemóvel toca. O seu colega de trabalho acaba de lhe enviar uma mensagem com mais informações sobre uma campanha diferente para a sua empresa.

Tarefa 5: O PFC procura por um conjunto diferente de células cerebrais para responder ao texto, porque a maneira como responderá ao texto do seu colega de trabalho será diferente da maneira como responderá à análise do seu cliente.

Tarefa 6: As células necessárias do cérebro para responder ao texto ficam ligadas.

Tarefa 7: A sua atenção desloca-se de volta para análise do seu cliente e o processo repete este mesmo ciclo na mesma sequência uma e outra vez. Sem mencionar que tem música de fundo a passar.


Multitarefa = Ineficiência

É impossível o seu cérebro processar a informação de forma tão eficiente como seria sem os estímulos das mensagens de texto e música. Estes outros estímulos são simplesmente distracções e obstáculos que o seu cérebro deve eliminar antes de processar as informações correctas. Medina afirma que os estudos mostram que uma pessoa que é interrompida na sua tarefa prioritária leva 50% mais tempo para completar a tarefa. Pense sobre o número de erros que ocorrem enquanto isso acontece? É quase o mesmo que 50% mais erros. Já se perguntou por que é ilegal usar o telemóvel enquanto dirige? A maioria das pessoas que tem um emprego estável não tem tempo, paciência ou dinheiro para fazer 50% mais erros numa tarefa que leva o dobro do tempo para ser concluído.

Como conclusão: Quando procurar concluir uma tarefa que exige a sua atenção não se esqueça de dar-lhe realmente toda a sua atenção. Coloque o seu telefone em modo silencioso e num local fora do seu campo de visão. Considere também desligar a sua música ou escolher um género composto por melodias simples, sem letras. Esqueça facebook e outras distrções semelhantes. A tarefa será concluída mais rápida e com menos erros. Quem não quer isso?

Esqueça a multitarefa, invista na MONOtarefa.

parte 2
A multitarefa não é possível segundo a neurociência Reviewed by Mindfulness Institute on 00:33 Rating: 5






MBSR

Treino de Resiliência ao Stress
e de Desenvolvimento Emocional


MBSR TTI

Em 2016 inicia a Formação de Instrutores de MBSR...

Formação

O meu 1º Retiro

Especialmente destinado Para quem deseja iniciar a...

Retiros

Retiros de Silêncio

Passar algum tempo em retiro é uma óptima forma...


Workshops

Fortemente práticos, são uma forma de ter...

Workshops


Mindfulness Institute
Sociedade Portuguesa de Meditação e Bem-Estar



Práticas de Integração 'Mente-Corpo'


A Sociedade Portuguesa de Meditação e Bem-Estar | Mindfulness Institute é uma associação científica, sem fins lucrativos, que procura contribuir para uma sociedade mais consciente através do estudo e da prática da Meditação.

Tem como missão contribuir para o estudo e para a prática da Meditação e outras abordagens de integração "mente- corpo", de forma científica e contemplativa, como forma para aumentar a qualidade de vida das pessoas e das comunidades, para o seu empowerment, facilitando a realização do seu pleno potencial.

ver mais


Bem-vind@s.






Últimas Entradas

*

 
Com tecnologia do Blogger.